Advogado é preso suspeito de importunar sexualmente agente de endemias durante vistoria no Norte Pioneiro
Advogado é preso suspeito de importunar sexualmente agente de endemias durante vistoria no Norte Pioneiro | © PMPR

Um advogado de 37 anos foi preso em Bandeirantes – no Norte Pioneiro, suspeito de importunação sexual contra uma agente de endemias, que fez a denúncia para a Polícia Militar. O abuso aconteceu enquanto a profissional de saúde fazia uma vistoria na casa dele, no centro da cidade. No entanto, a Justiça determinou a soltura dele após R$ 2,6 mil de fiança, valor que foi pago pelo suspeito.

Casos de importunação sexual aumentam 24% no Paraná; mais de 2 mil somente no ano passado

De acordo com o Boletim de Ocorrência do caso, depois de verificar se havia focos do mosquito da dengue no imóvel, a agente teria sido questionada pelo advogado se estava solteira e se “gostaria de conhecê-lo melhor”. Ele ainda teria pedido o telefone, forçado um abraço e impedido ela de ir embora, trancando o portão.