Audiência debate uso da inteligência artificial na educação
Deputados alertam que inteligência artificial pode ser usada para burlar esforços acadêmicos | © Depositphotos

A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados discute nesta quinta-feira (1º) os usos da inteligência artificial (IA) no setor educacional. Os deputados Aureo Ribeiro (Solidariedade-RJ) e Maria Arraes (Solidariedade-PE), que pediram a realização da audiência, lembram que de tempos em tempos o mundo passa por grandes revoluções científicas e tecnológicas.

Mil oportunidades: inscrições do Ganhando o Mundo terminam nesta quarta-feira

Os parlamentares reconhecem que essas inovações trazem pontos positivos e a capacidade de melhorar a qualidade de vida dos indivíduos de uma sociedade. Outros aspectos, no entanto, merecem certa preocupação. Não no intuito de proibi-las, mas com o objetivo de garantir sua melhor utilização.

Eles citam como exemplo o ChatGPT, inteligência artificial projetada para produzir textos e responder perguntas e que pode, em um contexto escolar e acadêmico, ser usado para desenvolver uma dissertação sobre qualquer assunto, burlando o percurso que o estudante deveria fazer para uma correta aprendizagem. A audiência será realizada no plenário 10, a partir das 9 horas.