Uma das mais belas montagens do repertório do Teatro Guaíra, “Romeu e Julieta” volta aos palcos neste mês.

Uma parceria de bailarinos e músicos, o espetáculo emocionou mais de 16 mil pessoas em 2023 e abre a temporada deste ano do Balé Teatro Guaíra. A colaboração de sucesso com a Orquestra Sinfônica do Paraná será apresentada ao público nos dias 15, 16 e 17 de março, no auditório Bento Munhoz da Rocha Neto, o Guairão.

Os ingressos estão à venda na bilheteria do Teatro Guaíra ou pelo site DeuBalada.com No programa, além da união de dois ícones da cultura paranaense (Balé e Orquestra), estarão em ação os dois jovens apaixonados de William Shakespeare, acompanhado pela obra do compositor Serguei Sergueievitch Prokofiev. Para completar o convite, a peça tem os figurinos de Paulinho Maia, cenário de Cleverson Carvalheiro e iluminação de original de Carlos Kur, com adaptação de Diego Bertazzo. A apresentação teve sete noites de Guairão lotado em 2023.

Criada em 1969, a terceira companhia de dança mais antiga do Brasil já coleciona mais de 150 coreografias, enquanto a orquestra já tem mais de 500 apresentações. Juntos, apresentaram montagens de sucesso como “O Quebra-Nozes”, “O Lago dos Cisnes”, “Carmen”, além de “Romeu e Julieta”, que teve a primeira montagem pelo Centro Cultural Teatro Guaíra em 2008.

A temporada deste mês traz novidades. Além de um casal consagrado, Deborah Chibiaque e Rodrigo Castelo Branco, o público vai conferir a estreia de uma nova Julieta: Amanda Soares, que contracena com Rodrigo Leopolldo. “A ideia de diferentes elencos é que cada intérprete possa contribuir com modos próprios de expressar e dançar o drama de Shakespeare”, explica o diretor.

Com informações da AEN.