Banco de Leite do Hospital Universitário de Londrina sofre baixa em estoques de leite materno
Banco de Leite do Hospital Universitário de Londrina sofre baixa em estoques de leite materno | © Divulgação

O Banco de Leite Humano (BHL) do HU (Hospital Universitário) de Londrina está enfrentando uma baixa nas reservas de leite materno. As doações do alimento, indispensável para o desenvolvimento dos bebês, vêm sofrendo diminuições ao longo dos anos, não apenas em Londrina, mas em todo o país.

A enfermeira Letícia Costa, coordenadora do Banco de Leite do HU, conta que o leite alimenta em média 600 crianças por mês, incluindo tanto pacientes do HU, como bebês internados em Unidades de Tratamento Intensivo (UTI’s) neonatais de toda Londrina e região. “Para atender à demanda, precisaríamos receber por mês aproximadamente entre 150 a 200 litros de leite”, aponta. A média dos últimos sete meses, segundo a coordenadora do setor, ficou em 104 litros. Ou seja, para atingir a meta, o BHL deve aumentar em pelo menos 50% a captação do alimento.

Universidade Estadual de Londrina adia para 12 de setembro inscrições do Vestibular

Para reverter esse cenário, Letícia destaca a importância das campanhas e conscientização da comunidade. “As campanhas de incentivo são frequentes: temos meses voltados para o aleitamento materno, como o Agosto Dourado, que acabou de passar. São meses onde as campanhas são intensificadas, mas de forma geral, elas são realizadas com frequência de acordo com a necessidade”, salienta. Para informações ou agendamentos, entrar em contato pelo telefone (43) 3371-2390.

Com informações da UEL.