O Clube Filatélico de Londrina fará sua primeira reunião do ano neste sábado (09), das 14h às 17h, na Biblioteca Pública Municipal, que fica na avenida Rio de Janeiro, 413, Centro. O grupo se reúne em torno de um interesse em comum pela coleção de selos postais, cédulas e moedas.

Os encontros são realizados mensalmente na Biblioteca e todos os interessados no assunto são convidados a participar. Fundada em 1976, a organização é formada por colecionadores de selos de Londrina e região. Recentemente, passou também a incluir numismatas, que é como são chamados os colecionadores de cédulas e moedas. De acordo com o secretário do Clube Filatélico, Luiz Carlos Martins, as reuniões possibilitam que os participantes compartilhem informações sobre colecionismo, além da realização de trocas, compras e vendas de selos, cédulas e moedas.

Martins se interessa por selos postais desde que era criança. “Morava em São Paulo e recebíamos cartas de familiares do Paraná. As cartas vinham com selos comemorativos”, contou. Ele começou a frequentar o Clube Filatélico em 1977. Os colecionadores trabalham com selos antigos e usados, mas também com itens novos sem carimbo, sendo que as coleções dos dois tipos não podem ser misturadas. “Coleciono selos do Brasil, Portugal e colônias portuguesas até a independência. É impossível colecionar objetos de todos os países ou temas”, afirmou Martins.

Segundo o secretário do clube, os selos carregam mensagens e significados. “Todos os selos têm uma história por trás”, apontou. Todos os anos, o Brasil emite diversos selos homenageando pessoas, lugares e datas importantes.

Com informações do N.Com.