PF prende 6 suspeitos contra desvio de recursos de partido político, inclusive no Paraná
Foto: Divulgação/Polícia Federal

A Polícia Federal realizou nesta quarta-feira (12) uma operação contra desvios de recursos, nas eleições de 2022, dos fundos partidário e eleitoral do partido PROS – que foi incorporado pelo Solidariedade em 2023. Eurípedes Gomes Júnior, atual presidente nacional do Solidariedade, é um dos alvos da operação. Mandados judiciais foram cumpridos em Goiás, São Paulo, Paraná e no Distrito Federal.

De acordo com a Polícia Federal, seis mandados de prisão preventiva foram cumpridos, cinco no Distrito Federal e um no Paraná. Os alvos são investigados pelos crimes de organização criminosa, lavagem de dinheiro, furto qualificado, apropriação indébita, falsidade ideológica eleitoral e apropriação de recursos destinados ao financiamento eleitoral. Os devidos estão na casa de R$ 36 milhões.