População paranaense com 100 anos ou mais cresceu 39% em 12 anos
População paranaense com 100 anos ou mais cresceu 39% em 12 anos | © Imagem Ilustrativa/FreePik

A população paranaense com 100 anos ou mais cresceu 39% em 12 anos. Enquanto que no censo anterior do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), de 2010, o Paraná tinha 933 habitantes centenários, no de 2022 o número subiu para 1.299 pessoas.

O Paraná ocupa a 11ª colocação entre os estados com mais pessoas centenárias, sendo a Bahia o líder com 5.336 pessoas. Na Região Sul, o Paraná fica atrás apenas do Rio Grande do Sul, que tem 1.536 pessoas que alcançaram um século de idade. Assim como nas outras faixas etárias de pessoas idosas, as mulheres são maioria entre a população centenária no Paraná, totalizando 71%.

Curitiba é o município paranaense que abriga o maior número de idosos com 100 anos ou mais, com 237 pessoas. A seguir, vem Londrina, com 65 idosos centenários, Maringá com 47, Cascavel com 31 e Ponta Grossa com 30.

Paraná lidera geração de empregos para jovens na região Sul do Brasil de janeiro a setembro

ESTADO AMIGO DA PESSOA IDOSA – O Paraná é o Estado com o maior número de cidades consideradas Amigas das Pessoas Idosas. Dos 29 municípios brasileiros com a certificação internacional da Organização Mundial da Saúde (OMS), 23 são paranaenses. Além disso, o próprio Estado, cuja população idosa é de 1,7 milhão de pessoas, foi o primeiro a receber o status de Amigo da Pessoa Idosa.

O Paraná também é o único estado com Conselhos Municipais de Direitos do Idoso em todas os municípios, totalizando as 399 cidades paranaenses. O Estado ainda tem 389 fundos municipais e 369 Planos Municipais de Direitos do Idoso já aprovados e vigentes.

Com informações da AEN.