CMTU começa a operar serviços de proteção e bem-estar animal em Londrina
Sob a tutela da CMTU, parte das ações será desenvolvida através de empresa terceirizada | Foto: Vivian Honorato/ PML

A Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU) começará a operar os serviços de planejamento, estabelecimento, implantação e administração da Política Pública de Proteção e Defesa dos Animais em Londrina. As atribuições, que pertenciam à Secretaria Municipal do Ambiente (Sema), foram transferidas ao órgão por meio de projeto de lei aprovado pela Câmara Municipal e sancionado pelo prefeito Marcelo Belinati. Na manhã desta segunda-feira (25), foi realizada solenidade no gabinete do prefeito, com a apresentação dos serviços de bem-estar animal pela Companhia.

Com a mudança, o objetivo da atual gestão é otimizar os trabalhos prestados à população nas áreas de atendimento clínico e emergencial a animais abandonados ou pertencentes a famílias de baixa renda; recolhimento e destinação ambientalmente adequada de carcaças em via pública; albergagem temporária de caninos e felinos; captura de bichos de grande porte soltos na área urbana; fiscalização contra maus tratos e administração de banco de rações.