CMTU orienta sobre trânsito e transporte coletivo durante a Maratona de Londrina neste domingo
Divulgação

A Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU) informa que, em decorrência da realização da Maratona de Londrina, diversas vias nas regiões sul e oeste de cidade, além de algumas na área central, serão interditadas neste domingo (23) para garantir a segurança dos 4,5 mil competidores aguardados para o evento. O bloqueio das ruas e avenidas, programado para começar às 2 horas, será realizado pela Capa, agência londrinense especializada na organização de torneios esportivos. Com supervisão da CMTU, as intervenções devem ser concluídas até as 5 horas, horário em que está prevista a largada para o percurso de 42km.

Os atletas partirão em pelotões específicos distintos entre si, a partir do Catuaí Shopping, sendo que a modalidade de 21km deve ser iniciada às 5h20, seguida da categoria de 10km, às 5h30, e da de 5km, às 5h40. Todo o trajeto contará com integrantes da equipe de organização para auxiliar os participantes, bem como os motoristas. Já os principais cruzamentos ao longo do itinerário serão monitorados pela CMTU, Guarda Municipal (GM), Polícia Militar (PM), Polícia Rodoviária Estadual (PRE) e pelo Departamento de Trânsito de Cambé, que ficará responsável pelo controle do tráfego em trechos da PR-445 que passam pela cidade vizinha.

Durante a realização da Maratona, à medida que os competidores avançarem, agentes de trânsito e das forças de segurança, em contato com os organizadores, farão a avaliação de cada ponto de bloqueio para proceder com as liberações. A expectativa é que todas as vias incluídas no percurso sejam desimpedidas até as 11h. A CMTU orienta que os motoristas observem as faixas informativas espalhadas pelo perímetro da prova, instaladas pelos promotores da corrida, que indicam as vias com previsão de fechamento. A recomendação é que os condutores evitem passar por esses locais na manhã de domingo e, na impossibilidade de utilizar rotas alternativas, tenham paciência para aguardar a liberação das vias.

Ônibus – Aos usuários do transporte coletivo, a indicação é que, antes de se dirigirem aos pontos no trajeto, entrem em contato pelo número 0800-400-7020 para obter informações de onde embarcar e desembarcar. Isso porque, como as pistas serão liberadas de acordo com o avanço dos últimos corredores, só será possível definir a passagem ou não dos coletivos em determinada via conforme o decorrer da competição. No dia do evento, uma equipe irá reforçar o time da central de atendimento, que recebe inclusive ligações de telefone celular, e as concessionárias de transporte também estarão a postos para auxiliar os passageiros.

A lista das linhas a serem impactadas pelas interdições é composta pela 203 – Ouro Branco; 205 – Cafezal; 208 – Higienópolis; 209 – Cláudia; 210 – Vitória; 213 – Shopping Catuaí; 214 – Dequech; 216 – Chácaras São Miguel; 217 – Vivendas do Arvoredo; 218 – Jatobá; 229 – Gleba Palhano; 260 – Usina Três Bocas; 270 – Selva; 301 – Presidente; 307 – Avelino Vieira; 314 – Olímpico; 315 – Colúmbia; 601 – Parador Acapulco; 602 – Parador Irerê; 904 – Terminal Vivi/UEL/Terminal Acapulco. A Maratona de Londrina integra as comemorações dos 90 anos da cidade e tem apoio institucional da Prefeitura de Londrina, Instituto de Desenvolvimento de Londrina (Codel) e CMTU. Mais informações podem ser obtidas no site www.maratonadelondrina.com.br. Com informações do N.Com.