Copel pagará 30 remunerações a funcionário que pedir demissão voluntária
Copel segue obrigada a manter sede em Curitiba | © RPC Curitiba

A Copel lançou o Programa de Demissão Voluntária. Trabalhadores podem solicitar a adesão a partir de segunda-feira (28). Eles receberão 30 remunerações como compensação indenizatória pela extinção do contrato de trabalho – com valor mínimo de R$ 150 mil. O programa estava previsto no Acordo Coletivo de Trabalho, assinado em janeiro. O pedido pode ser feito até o dia 15 de setembro.

As adesões serão efetivadas após o dia 6 de outubro. A indenização do programa está limitado ao orçamento de R$ 300 milhões, sem considerar a multa do FGTS e o subsídio de um ano do plano de saúde e vale alimentação. Caso as solicitações ultrapassem o limite, a companhia vai avaliar a viabilidade de ampliar o recurso financeiro.